sexta-feira, 23 de junho de 2017

Top 3 Batalhas internas constantes de um Líder

Top 3 Batalhas internas constantes de um Líder


Líderes que estão totalmente envolvidos em suas batalhas e missões diárias, não percebem suas feridas como resultado dessas lutas. Feridas estas, que mexem com o equilíbrio espiritual de qualquer ser humano, sendo ele um grande líder ou não.

Não há como evitar batalhas se você quiser progredir de forma consistente, no território onde a luta é travada nunca é fácil, e sempre tem um preço para se pagar. Enfim, não existe vitórias sem lutas e sem derrotas, no final haverá sempre um resultado positivo ou não.

A vida nunca concede um passeio gratuito, os líderes não recebem um cartão "Boas vindas" quando se trata de resolver problemas sérios e enfrentar batalhas. A boa notícia é que nunca estamos sozinhos. Deus traz sua presença, poder e favor à nossa vida, mas Ele nunca remove o elemento humano, ou seja, Ele conhece bem o nosso interior.

As realidades da nossa humanidade exigem que enfrentemos uma variedade de problemas, tais como pressões financeiras, questões pessoais, problemas familiares,  desalinhamento de visão e valores, e a lista continua. Estes são problemas muito reais, mas todos ocorrem no domínio externo.

As batalhas mais comuns que enfrentamos são batalhas internas. Às vezes, são pequenos conflitos são sobre coisas cotidianas e que facilmente podem ser conquistados. Todavia, existem conflitos que permanecem por longos períodos de tempo, no entanto, eles podem atrapalhar no ministério de qualquer líder.

É melhor identificá-los o quanto antes e dedicar esforços intencionais para derrubá-lo através da leitura bíblica devocional, orações, sábios conselhos e passos práticos de ação.

Leia atentamente: 2 Coríntios 10:4-5

As armas com as quais lutamos não são humanas; pelo contrário, são poderosas em Deus para destruir fortalezas.Destruímos argumentos e toda pretensão que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levamos cativo todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo.2 Coríntios 10:4,5

Confira abaixo; Top 3 Batalhas internas constantes de um Líder:

1) Distração

Não é incomum se distrair no ministério. Os líderes são muitas vezes puxados em várias direções ao mesmo tempo. Se não estamos centrados, focados em nosso trabalho, é fácil afastar-se das prioridades mais produtivas.

É melhor identificar primeiro a origem da distração. Ele pode vir de várias formas de coisas como questões de saúde, falta de foco intencional e disciplina, lutas familiares, sensação de sobreposição e até mesmo aborrecimento. Sim, os líderes podem estar ocupados, mas não devem se desviar das questões de suas ocupações, para não se encontrarem aborrecidos pelo acumulo questões ainda não resolvidos.

Pode parecer contraintuitivo colocar mais tempo na questão da distração, mas enquanto estiver focado em uma solução positiva, estabelecendo prioridades, metas e ações para alcançar os resultados das questões do seu ministério no seu dia a dia, essa é a melhor maneira de vencê-lo.

O apóstolo Paulo, na carta aos Filipenses disse:

Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante,prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus.Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá.Filipenses 3:13-15


2) Desânimo

Eu não conheço um líder de igreja que não tenha experimentado o desânimo. Seja ele por questões mal resolvidas ou não. A pergunta é: Se ele pode desencorajar outros líderes demonstrando este desamino? Sim, é possível, mesmo que seja uma mentira, convencê-los de que Deus não está com eles, e isto pode ser um enorme golpe à igreja.

O desencorajamento geralmente vem quando você está cansado e dominado. O desencorajamento muitas vezes encontra sua marca, quando sua perspectiva se torna distorcida. Quando você pensa coisas, que quando você está nele, ninguém se importa, e nada está funcionando.

Tire algum tempo para descansar, pensar e conversar. Obtenha algum tempo com um amigo confiável para ajudá-lo em oração, com objetivo de ver com mais clareza. Deus está com você e você está fazendo algo que importa!


3) Coração dividido

Este uso do termo "coração dividido" refere-se a quando um líder não está claro sobre sua vocação, paixão e propósito.

E lá procurarão o Senhor, o seu Deus, e o acharão, se o procurarem de todo o seu coração e de toda a sua alma.Deuteronômio 4:29

Quando um líder não tem certeza de como deve ser o seu trabalho ou carreira, eles podem se tornar de mente dupla, o que resulta em conflito interno. O resultado final é o sentimento de ser puxado em duas direções. Nenhum líder pode sustentar isso por um longo período de tempo.

Isso é muito diferente de sonhar com oração sobre o seu futuro e o que Deus tem reservado para você. Um coração dividido é quando você não está realmente claro sobre o que você deveria fazer no presente.

Se este for o caso, não entre em pânico, mas não o deixe de lado para lidar com isso "mais tarde". Você pode piscar e um ano passou! Reserve algum tempo prolongado para pensar, orar e buscar conselhos sábios sob a direção de Deus.

Em última análise, isso chegará a um processo de tomada de decisão. Está é a parte que só você poderá realizar, mas ninguém. Por isso, faça escolhas sábias, sempre atento a palavra de Deus.  Leia esta postagem sobre “Como ter os conselhos de Deus” creio poderá ajudá-lo com mais informações sobre tomada de decisões práticas.

Se você está distraído, desencorajado ou com um coração dividido, tenha conforto em saber que está caminhando em um território familiar, pois outros líderes já passaram ou passam pelas mesmas situações que você. Mas apenas saiba que Você pode vencer tudo isso, não desista. Dê o primeiro passo hoje, o ministério dinâmico é diferenciado do estático.

Nunca pense que você vai agradar a todos. O importante é saber que o nome Senhor está sendo honrado e glorificado, através da sua vida e ministério.

Por: Missionário Vagner


Tags: Liderança , Desânimo , Coração dividido , Distração


0 comentários:

Postar um comentário